P>

segunda-feira, novembro 23, 2009

Piscina, churrasco e sauna depois de estar bronzeado


Photobucket Eu sei, eu sei... Postei na sexta e vou postar hoje de novo. Mas olha, só estou fazendo isto por duas boas causas: 1) amanhã começam minhas aulas teóricas na autoescola e por 2 semanas eu não vou ter tempo de postar (vocês vão ver um texto meu aqui nos próximos dias, mas ele já está escrito); 2) meu fim de semana foi meio estressante, murphyado, divertido, meio estressante de novo, bizarro e divertido de novo, nesta ordem.
Photobucket Começou que no sábado de manhã fui fazer o psicotécnico para tirar carta. E aí, vocês devem estar pensando "ah, e daí? É só o psicotécnico..." Mas antes de fazer, eu fui procurar na internet sobre isto e acabei parando num fórum de pessoas que já tinham reprovado no psicotécnico. Uma menina, inclusive, reprovou 2 vezes. Otimista e confiante que sou, já me imaginei tendo que fazer de novo e falando para todos os conhecidos que eu reprovei. Sério, eu sou trágica. Aí, fiz a prova, foi rapidinha e, quando menos esperava, já estava saindo com a planilha dizendo que fui aprovada. Simples assim.
Photobucket De lá, fui com meus pais para a chácara, onde íamos passar o fim de semana com os amigos da família, como já é tradicional. A primeira impressão que tive da chácara foi das melhores. Era um lugar lindo. De repente, notamos um carro desconhecido. E pessoas desconhecidas. Até o momento, só meus pais e eu estávamos lá. Meu pai ligou para quem alugou a chácara para saber se estávamos no lugar certo. E estávamos. Foi aí que descobrimos que a chácara tinha sido alugada para outras pessoas também!!! Esperamos todo mundo chegar para resolver a situação. No fim, nada deu certo e agora quem vai resolver é o juiz (olha, que ameaçador!!!). Mas não podíamos perder o fim de semana, né? Resolvemos voltar para a cidade e procurar alguma outra chácara. Lady Murphy, no entanto, ainda não estava contente e resolveu aprontar outra: o carro do meu pai quebrou, logo para cima do campus reserva ecológica. Sorte que deu para chegar até em casa. Conseguimos alugar outra chácara, na verdade, uma "chácara": 2 quartos, quiosque com churrasqueira, piscina e sauna, dentro da cidade, mesmo. Fiquei quase o tempo todo na piscina. Tentei usar a sauna, mas assim que pus meus pés para dentro, senti aquele ar abafado, úmido e imaginei a porta fechando e eu, trancada naquela salinha minúscula, eu fiquei com falta de ar. Nem eu sabia que tinha fobia de sauna. Deve ser porque nunca tinha entrado em uma. Justo neste ano que eu comprei Uno especialmente para ter alguma coisa para fazer à noite, nós voltamos para dormir em casa, porque...
Photobucket No domingo, eu tinha prova de manhã. Eu comecei bem calma, mas a cada erro, eu ia ficando mais nervosa. No fim, eu estava tremendo. Saí de lá e fui pegar o ônibus para ir para a "chácara". Detalhe que eu mal sabia onde ficava, porque só tinha ido para lá uma vez, no sábado, e de carro, cuidando para que a cachorrinha hiperativa que eu estava levando no colo não saltasse pela janela do carro em movimento. Tudo que eu sabia era o nome do ônibus que eu tinha que pegar e o nome da rua onde eu achava que tinha que descer. Fiquei tentando ligar para os meus pais para pedir mais informações e nada deles atenderem os celulares. Eu já estava nervosa da prova e ainda isto... Seria bom se tivesse parado por aí. Eu estava falando os mais belos palavrões da humanidade, enquanto tentava, em vão, falar com meus pais, quando se aproxima um cara (vamos chamá-lo de Cara Estranho) e pergunta meu nome. Eu fingi que não era comigo e ele insistindo. Acabei dizendo que era Joana (se até minha mãe diz que é, então é porque deve ser). Não contente, ele pediu para segurar as sacolas enquanto ele dobrava as mangas da camisa. Pensei, pensei e acabei com medo do que aconteceria se eu não fizesse isto, então acabei segurando. Aquela avenida vazia, eu querendo fugir, não sabia mais o que fazer. Eis que surge um grupo de senhoras evangélicas. Eu entrei no meio delas e fiquei lá. Uma senhorinha bem idosa começou, então, a falar comigo, mas eu não entendia uma palavra do que ela dizia, tadinha. Enquanto isto, Cara Estranho começa a berrar músicas do Roberto Carlos, usando o celular como microfone. Eu tentando entender o que a senhorinha falava, Cara Estranho começa a me chamar (de Joana) e perguntar sobre o ônibus. A senhorinha falava, Cara Estranho gritava "meu nome" e eu pensando que não era possível que aquilo fosse a vida real. E pior: a minha vida. Meu ônibus chegou, eu me despedi do grupo de senhoras e elas ficaram me olhando com cara de caneca, tipo "o que ela estava fazendo aqui?"
Photobucket Consegui chegar à "chácara" por causa de um ponto de referência, porque meus pais falaram um nome de rua que não era a da "chácara" e eu achava que fosse. Passei o domingo lá, curtindo a piscina e chegando à conclusão que eu nasci para ser rica, só não tenho dinheiro para isto.

Photobucket

Marcadores: , , ,

Postado por Josei e Kami Sal às 8:14 PM


|

[ As Bizarras ]



Photobucket























PhotobucketPhotobucket

[ Estamos... ]

The current mood of mundobizarro at www.imood.com

[ Já passou... ]

Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Novembro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Fevereiro 2007
Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Agosto 2009
Setembro 2009
Outubro 2009
Novembro 2009
Dezembro 2009
Janeiro 2010
Fevereiro 2010
Março 2010
Abril 2010
Maio 2010
Junho 2010
Julho 2010
Agosto 2010
Setembro 2010
Outubro 2010
Novembro 2010
Dezembro 2010
Janeiro 2011
Fevereiro 2011
Março 2011
Abril 2011
Maio 2011
Junho 2011
Julho 2011
Agosto 2011
Setembro 2011
Outubro 2011
Novembro 2011
Dezembro 2011
Janeiro 2012
Fevereiro 2012
Março 2012
Abril 2012
Maio 2012
Junho 2012
Julho 2012
Agosto 2012
Setembro 2012
Outubro 2012
Novembro 2012
Dezembro 2012
Janeiro 2013
Fevereiro 2013
Março 2013
Abril 2013
Maio 2013
Junho 2013
Julho 2013
Agosto 2013
Setembro 2013
Outubro 2013
Novembro 2013
Dezembro 2013
Janeiro 2014
Fevereiro 2014
Março 2014
Abril 2014
Maio 2014
Junho 2014
Julho 2014
Agosto 2014
Setembro 2014
Outubro 2014
Novembro 2014
Janeiro 2015
Fevereiro 2015
Abril 2015
Junho 2015
Setembro 2015
Outubro 2015
Dezembro 2015
Janeiro 2016
Agosto 2016

[ Em uma linha ]

Photobucket Photobucket

[ Musica ]

Photobucket
Blip Josei

Photobucket
Blip Kami Sal

[ Blogs favoritos ]

Muito Macho
Baiacus Cantores de Piraporinha
Encontre o peixe
Sentimentos Verdadeiros
Um Mundo Sem Noção
ISAC
Leis de Murphy
Ninguém lê esta porcaria
BHQ+
Orijinaru
Sorvete Napolitano
**Luty Kitty** Nyu!!
Tipo assim...
Miss Mymi
Frivolidades e Inutilidades
Coma Com Os Olhos
Gatos na Cozinha
Ponto de Fuga
Não bata no gatinho
Satisfeita Yolanda
Sócia da Light
Menina não pode
Receita Perfeita
Pitadinha
Gavilan

[ Flogs favoritos ]

Mundo Bizarro - o flog.
Picolé Napolitano
Flog da Luty
Toscosplay
Deviant Art
Mafia
Baby Mel
Pet Club

[ Sites ]

Mundo Bizarro no Orkut
SOS Anime
Sonando com KareKano
Shampoo.art.br
Henshin
Tomobiki-cho, The Urusei Yatsura Web Site
Friends the Stuff you've never seen
Central de Mangás
Um sábado qualquer
Lady's Comics
Manga Dream
Tsumi
Redisu
Anime Kawaii
Hinata Sou
Anime House
Anime Extremist
Shoujo House
Kawaii Screen
Neopets
AMV.org
Gendou
O Jovem Nerd
Nigthtsy
Anime Lyrics
LiveJournal Furuba
FanFiction.Net
FF-SOL
Click Jogos
Anime Blade
Anime Pró

Snoopy
Madame Malkins

Eu sou blogólatra!








[ Marcadores ]

"real e o sobrenatural"
acidente tosco
animais
anime
aniversário
apartamento
artesanato
banco
barata
biscuit
bizarrice
bizarrice IVCH
blogueira desaparecida
bonita história triste
campus reserva ecologica
Caramelo
Carnaval
carro
celular
Charlie Brown
churrasco
chuva
chácara
cinema
coisas que não entendo
comemoração
computador
culinária
desabafo
dialogo em família
dialogo
diálogo em família
divagações
doente
emo
especial de aniversário
estágio
faculdade
família
feriado
festa
flog
formatura
frase da semana
férias
gata
Gata-Vaquinha
gatos
gente chata
greve
hidroginástica
horário de verão
inseto
insonia
IVCH
jornalismo Mundo Bizarro
kit
Lady Murphy
lagartixa
leseira
livros
lost
Mamãe-Gata
mangás
máquinas
mimimi
música
nada
Natal
nerdice
neura
ônibus
Otaku Fest
outono
paranóia
pesadelo
pessoas estranhas
ponto de ônibus
presente
Quem procura acha aqui - ou não
reflexões inúteis
sonho
shopping
Sorveteria
SOS Anime
susto
televisão
template
teste
trabalho
trauma de infância
tristeza
vaidade
vergonha alheia
viagem

[ Campanhas ]

Adotar é tudo de bom

[ Midi ]

Você está ouvindo

I'll be there for you

[ ... ]



eXTReMe Tracker

Template by Kami Sal
Todos os direitos
reservados

Free Avatars
Free Avatars
Free Avatars
Free Avatars
Free Avatars
Photobucket
Blinkie Maker
Make your own Blinkie

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket