P>

sexta-feira, outubro 28, 2011

Sexta de livros
Eu trouxe a família pra almoçar estou na colina e não tenho hora pra voltar


E o segundo livro é Porque Almocei meu Pai, escrito pelo jornalista e sociólogo Roy Lewis.
A história se passa no Pleistoceno e narra Edward, através dos olhos de seu filho Ernest. Edward é o lider de sua horda de homens macacos e tem uma grande meta: ele deseja que sua horda dê os passos decisivos na evolução humana e se tornem os primeiros Homo Sapiens!
Durante todo o livro, Ernest narra as peripécias de seu pai, desde como ele descobriu o fogo, como controlá-lo e acende-lo, até suas brigas com Vanya (tio de Ernest, irmão de Edward). Vanya acredita que os homens-macaco devem seguir sua natureza e viver sobre as árvores comendo frutos (o que realmente não o impede de participar dos banquetes organizados pela horda quando estes descobrem o churrasco).
Edward obriga seus filhos a buscarem esposas fora da horda, criando a miscigenação. Está sempre tentando fazer com que seus filhos evoluam (um fardo muito pesado para eles, diga-se de passagem). É um visionário que em nome de seu sonho de evolução certas vezes negligencia a segurança de toda a sua horda (por exemplo, causando um incêndio na floresta onde vivem)... No fim, Ernest começa a se perguntar se as idéias de seu pai não acabarão destruindo a horda e, quiçá, toda a espécie humana e toma uma importante decisão (não vou contar, leiam o livro).
Pelas minhas pesquisas internéticas, o livro foi cult na década de 60 na Inglaterra, mas eu só li porque não tinha mais nada pra fazer mesmo. Não é o meu tipo de livro, mas se alguém gostar de psedo-estudos antropológicos e humor inglês, vá em frente.

Photobucket

Marcadores:

Postado por Josei e Kami Sal às 10:17 AM


|

segunda-feira, outubro 24, 2011

Me aponta algum caminho que eu quero te seguir


Photobucket As minhas férias continuam daquele jeito: estou fazendo o artigo/TCC, elaborando prova, falo quase todos os dias sobre trabalho com alguém do Teto Convexo e fiquei doente. Porque devo ser alérgica a férias e fico doente quando entro de férias. Graças a Deus, desta vez foi só uma crise de rinite, nada envolvendo hospital e bisturis.
Photobucket Minha mãe, certo dia, cansou de me ver cercada de livros e papeis e me levou para visitar a vovó. Conheci a bebê de uma das minhas primas e tive que ouvir aquelas perguntas superlegais: "quando você vai dar um netinho para sua mãe?" E eu sou sincera, né: "nunca".
Photobucket Esqueci de contar antes sobre o dia em que eu fui experimentar o vestido de madrinha. Estava eu, recatada, me vestindo em um provador fechado. Quando saí, tinha uma senhora pelada, que tinha se trocado na sala de provas de vestido. A filha dela, constrangida, disse para ela não fazer isto, mas a senhora disse que não tinha problema porque só tinha mulheres lá. Ai, vontade de falar "só tem mulher, mas ninguém é obrigada a ver seus peitos".
Photobucket Fora estudar e passar por situações constrangedoras, tenho aproveitado minhas férias para comprar. E entre minhas compras, está um GPS. Apesar de ser esta pessoa bonita, simpática, doce e modesta, a característica que as pessoas ainda mais enfatizam é minha falta de senso de direção. Esta característica já era ruim quando eu era só pedestre, mas como motorista, me perder ficou ainda pior, porque não posso simplesmente entrar em qualquer rua, tem mão de direção e estas coisas. Quando me uni a sir Ford, minimizei este problema com mapinhas do google maps impressos e colocados no painel, mas isto não é exatamente muito prático. Daí, minha decisão em comprar um GPS e ter uma voz me dizendo por onde andar, mas sem criticar o como eu dirijo. É perfeito!!! Ainda não testei, mas talvez eu conte aqui como foi a experiência. Ou talvez não conte, sei lá...

Photobucket

Marcadores: , , , ,

Postado por Josei e Kami Sal às 7:30 PM


|

segunda-feira, outubro 17, 2011

Baby, eu sou workaholic, tenho que brilhar na minha vida


Photobucket Emendar feriado é uma coisa legal. Tão legal que eu resolvi emendar o do dia 12 de outubro com o do dia 28 de outubro. Eu tinha 15 dias de férias restantes, então fiz este arranjinho e os 15 dias viraram 19. Para trás, eu deixei uma turba furiosa, já que, além do meu serviço normal, eu participo de 3 comissões no meu trabalho. Mas meu chefe autorizou e apoiou minhas férias, é isto que importa. Além do mais, eu tirei férias para poder trabalhar, por mais paradoxal que isto pareça. Tenho que terminar meu TCC da primeira pós e elaborar uma prova para uma das comissões nas quais estou trabalhando.
Photobucket Meus primeiros dias de férias foram a maior correria. Em parte, porque eu fui madrinha de casamento. Fiz faxina no quarto (daquelas de tirar tudo do lugar), fui provar o vestido de madrinha, fui renovar o seguro do carro, fiz as unhas das mãos e dos pés, comecei a elaborar a prova, tabulei os dados da minha pesquisa e, na sexta, fui buscar o vestido.
Photobucket No sábado, foi o casamento do meu primo, do qual eu fui madrinha. Passei praticamente o dia todo no salão de beleza. De manhã, fui para alisar o cabelo. À tarde, para enrolar, fazer penteado e maquiagem. No fim da tarde, foi o casamento. Meu par foi um amigo do meu primo, que eu conheci na hora de formar a fila para entrarmos na igreja. O casamento foi lindo, mas o show a parte ficou por conta da organizadora de casamento da igreja. Ela era uma das pessoas mais estressadas que eu já vi na vida!!! Falava com os padrinhos como se fosse um general preparando soldados para a guerra, discutiu com o fotógrafo porque ele estava andando no corredor e ainda gritou para o moço "sou eu que organizo isto aqui!!!" Eu achei que ela ia acabar acertando a cabeça de quem a desobedecesse com a bengala...
Photobucket Antes disto tudo, no domingo anterior às minhas férias, fui jogar boliche com as Meninas Superpoderosas Novatas no Teto Convexo e com o nosso mirim. Desta vez, eu joguei muito melhor e até fiz strikes.
Photobucket No meu último dia de trabalho antes das férias, eu saí mais cedo porque tinha que buscar o vestido. Quando estava passando em frente a uma loja, estavam distribuindo algodão doce. Acho que nunca comentei isto aqui, mas eu sou louca por algodão doce feito na hora. Não resisti e peguei um. Gente, povo ficou me olhando como se eu estivesse fazendo alguma coisa imoral!!! Eu podia estar roubando, eu podia estar matando, eu podia estar ouvindo funk sem fone de ouvido, mas eu estava só comendo algodão doce enquanto andava na rua. Não entendi por que tanto espanto...
Photobucket Bom, agora chega de post, que eu ainda tenho muito trabalho a fazer...

Photobucket

Marcadores: , , , , ,

Postado por Josei e Kami Sal às 11:05 AM


|

sexta-feira, outubro 14, 2011

Sexta de livros
Eu vi o futuro, estava escuro


Photobucket Atendendo a inúmeros pedidos (também conhecido como um), inauguramos hoje uma nova seção do MB: a Sexta de Livros!!! Provando que somos mais do que beldades mimizentas, a cada sexta-feira, vamos falar sobre um livro que lemos a partir deste já quase findo ano de 2011, já que falar sobre todos os livros que lemos durante a vida toda seria demais. Ah, entenderam o trocadalho do nome da seção: Sexta de livros > cesta de livros?
Photobucket Para começar, A Zona Morta, do mestre Stephen King. Chamá-lo de mestre é muito clichê, mas ele é mestre, fazer o quê...
Photobucket O personagem principal deste livro é Johnny Smith. Quando criança, ele foi "atropelado" por um garoto maior, que estava jogando hockey. Isto lhe rendeu um galo na cabeça e o poder de ter pressentimentos, mas de coisas banais, como qual seria a próxima música que tocaria no rádio.
Photobucket O tempo passa, o tempo voa, e vemos Johnny já adulto, levando a namorada a uma feira regional. Graças ao seu poder de prever coisas fúteis, ele consegue ganhar algum dinheiro na Roda do Futuro (não, não é Roda da Fortuna). Sortudo, não? Não diga isto tão cedo... Depois de tanta "sorte", a namorada dele, Sarah, passa mal. Ele a deixa em casa e pega um táxi para ir embora. No caminho, ele sofre um grave acidente e passa 5 anos em coma. Quando acorda, coisas muito estranhas acontecem: ele se torna capaz de ler pensamentos e de ver o futuro de uma pessoa ao tocá-la. Mas ele não consegue ver tudo, porque uma parte das coisas fica numa área do cérebro danificada no acidente,que é chamada de Zona Morta (a do título).
Photobucket Do outro lado, temos Greg Stillson, um caixeiro viajante, vendedor de livros que, anos mais tarde, se torna dono de uma firma de seguros e compra e venda de móveis. Tá, estes dados são irrelevantes... Bom, de cara dá para perceber que o sujeito é um tremendo crápula, frio, cruel e violento. Mas é do tipo que, apesar de mau caráter, é extremamente carismático, e consegue arrebanhar fãs. Assim, ele se torna prefeito. A desgraça vai além: ele se candidata a deputado federal!!! E o povo adora e aplaude as babaquices que ele diz e suas promessas vazias (lembrando que o livro é uma obra de ficção e qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência).
Photobucket E aí, vocês devem estar se perguntando: mas o que tem a ver um jovem que se tornou paranormal depois de ter seu crânio amassetado e um político safado? É aí que começa a ação do livro. Os caminhos dos dois se cruzam quando Johnny aperta a mão de Greg, durante um comício, e vê um futuro desastroso para os Estados Unidos com Greg como presidente. E a dúvida paira sobre Johnny: fingir que não viu nada ou matar Greg e salvar o país?
Photobucket Daí em diante, só lendo o livro. Gente, é Stephen King!!! Precisa de outro motivo para procurar agora mesmo?

Photobucket

Marcadores: ,

Postado por Josei e Kami Sal às 9:04 AM


|

quarta-feira, outubro 12, 2011

Isto não faz de mim uma pessoa boa


Não gosto da humanidade. Ela diz que é racional. Saí aos quatro cantos do mundo apregoando sua consciencia. Se gabando de ter sentimentos. Não vemos as outras especies matando seus mais fieis companheiros porque estão adoentados. A dita humanidade inteligente, sentimental e consciente acha justo e normal sacrificar animais porque eles tem caspas ou estão com problemas de pele. Se é tão justo assim, vamos matar todos humanos que tenham espinhas e caspas também. Pombos são ratos com asas? Meu amigo, você também não passa de um macaco pelado e nem por isso estão colocando veneno no seu bebedouro. Aliás, se estiverem, os pombos são os menores de seus problemas. Pardais são um praga? Meu caro, a maior parte dos problemas ambientais que estamos enfrentando não foram causados por pardais e sim por outra espécie... É muito fácil justificar as coisas dizendo que a humanidade é racional e os outros animais não, por isso quando estão feios ou sofrendo é melhor matá-los, justificando que é um ato piedoso. Por que, então, não demonstramos essa mesma piedade com todos que estão sofrendo nos hospitais?
Sim, o paragrafo de cima foi apenas mimimi motivado pela minha indignação com as pessoas. E esse será mimimi manifestado pela Santa Casa Economica, meu novo banco. Eu, realmente, não queria abrir uma conta, mas a vida não é como a gente quer né? Primeiro que toda vez que vou tirar dinheiro saem notas trocadas. Já chegou ao cumulo de vir 50 reais em notas de 2. Estou vendo o dia em que o caixa eletronico vai cuspir moedas de 1 centavo em mim. Outro dia coloquei o cartão na máquina e surgiu uma mensagem de que "o cartão foi incorretamente inserido". Tirei o cartão, e dei pro meu irmão que inseriu do mesmo jeito, na mesmissima posição, e o caixa aceitou!!! É só comigo, né? Meu outro banco é muito melhor.
Contra minha vontade, tenho ouvido musica gospel quase todos os dias, o dia todo. Será que esses cantores e as pessoas que tocam as músicas até a exaustão (pelo menos eu fico exausta) não notam que isso é chamar Seu santo nome em vão? Além do mais, as letras são tão toscas... Algo tipo Sidney Magal dos templos (o meu sangue ferve por você, Deus). E toda vez que ouço a Mara cantando lembro de duas coisas: 1- ela já saiu na Plaboy; 2- Tuiuiu iu iu Sou curumim iê iê Tuiuiu iu iu Sou curumã arauê...

Photobucket

Marcadores: , , ,

Postado por Josei e Kami Sal às 7:23 PM


|

sábado, outubro 08, 2011

A vida é um palco sem fim - a sabedoria vem com a idade


Photobucket Dizem que a idade traz sabedoria. Muitas vezes, duvidamos disto, mas há entre nós a pessoa que prova que o ditado está correto: Stafora. A pessoa de idade mais avançada do kit nos regala constantemente com suas frases de sabedoria, como:
- "Se o seu poema tem as palavras melão e bobão, as coisas vão mal..."
- "A vida não pode ficar tão ruim que um joguinho não ajude..."
- "As leis existem para proteger os ricos dos pobres, os idiotas deles mesmos e os professores dos alunos."
- "A mentira é como esse pudim: pode ser doce, mas não se sustenta."
Photobucket E esta é apenas uma pequena amostra dos conhecimentos deste grande sábio. Com tanto a ensinar a seus jovens amigos, ele é o recordista das frases da semana e não há quem tire dele este nobre título.
Photobucket Hoje, Stafora sobe mais um degrau rumo à sabedoria suprema, e por isto estamos aqui para parabenizá-lo e desejar que ele nos embeveça (uia, falei difícil!!!) com seus ensinamentos por muitos e muitos anos.

Photobucket

Marcadores: ,

Postado por Josei e Kami Sal às 1:31 PM


|

quinta-feira, outubro 06, 2011

I wanna be sedated


Photobucket Minha vida profissional está tão esquizofrênica que eu não sei mais nem o que esperar do minuto seguinte. No começo do ano estava tudo indefinido. 5 meses depois, um alívio. Depois, o retorno da ameaça fantasma. Aí, parecia que estava tudo resolvido de vez, mas deu outra reviravolta e eu quase morri. Agora, não sei mais nada. Melhor do que qualquer coisa, um diálogo em família pode demonstrar como eu estou, emocionalmente. O assunto não era trabalho, era minha pós, aquela que eu comecei na metade da disciplina e eu não sei minhas notas para saber se vou ter que fazer ou não a recuperação, mas o sentimento de desamparo é generalizado:
mamãe da Josei: Você nem imagina como estão suas notas?
Josei: Não. Eu peguei o bonde andando, lembra?
mamãe da Josei: E sentou na janelinha?
Josei: Eu caí do bonde e ele passou por cima de mim.
Photobucket Este poderia ser mais um post me queixando sobre as pessoas, até porque elas continuam me causando problemas. Não todas as pessoas do mundo, claro, mas algumas, as mesmas de sempre. Mas não é sobre isto que eu vou falar, porque só de pensar nelas, eu sinto engulhos. Vou falar de coisas mais amenas, tipo sobre como é ter o estômago vasculhado por uma câmera. Mas isto, só depois, porque agora vou falar de um passeio e de uma viagem, para ver se o MB ainda se torna o blog mais pé na estrada de toda a blogosfera.
Photobucket Para relaxar de uma semana estressante, no sábado à tarde, eu peguei meu carro e atravessei a cidade para... comprar esmaltes. Juro, isto É passeio para mim. Esperei a semana toda. Cada vez que eu tinha vontade de esganar um, eu pensava "tem nada, não. Sábado eu vou à Asa Única comprar esmalte holográfico". Comprar esmalte é uma coisa que relaxa. Tantas cores, tantos efeitos, tantas possibilidades... Eu também acho que dirigir é relaxante, mas não com o trânsito zoado que estava sábado.
Photobucket No mês passado, eu viajei para Karkia. Nem é nenhuma graaaaande viagem e eu só fiquei lá um dia, mas eu não conhecia a cidade e tinha curiosidade em conhecer, porque todo ano tem a festa das cerejeiras. Não fui na época da festa, porque viajei para lá para visitar uma tia, mas conheci o bosque onde a festa acontece, que é um bosque com tema japonês e um grande lago. E no lago tinha pedalinhos!!! E eu não podia perder a oportunidade de pagar os olhos da cara para pedalar, pedalar e pedalar pelo lago. Tão legal!!! O bosque é lindo, eu queria que tivesse um daquele jeito aqui em Bizarrelândia (provavelmente, eu iria de vez em nunca, mas ficaria feliz sabendo que ele existia).
Photobucket Dois dias depois, eu fui ao médico e ele falou uma palavra aterrorizante: ENDOSCOPIA. E ela foi marcada para 3 dias depois. As pessoas normais têm medo de sentir dor durante o exame, ou de ter alguma reação adversa (tipo, morrer) por causa do sedativo. Eu tive medo de, sob efeito de sedativo, falar alguma coisa que eu não devia, revelar algum segredo que eu não sei se tenho, ou algo assim. Porque o tarô e as Cartas Clow disseram que eu tinha um segredo, então, mesmo sem saber qual, eu devo ter, mesmo. No fim, o sedativo foi uma grata surpresa. Primeiro porque eu não vi nada do exame. Depois, foi engraçado porque me contaram que eu saí da sala andando, conversei, tomei chá, pedi atestado, marquei consulta e fui até o carro, mas eu não lembro de nada. Parece que eu não falei nada "proibido" nem dei bafón enquanto estava inconsciente. E, por fim, porque eu dormi até as 4 da tarde. Remedinho bom. Outro ponto bizarro é que, como não deixa nenhum vestígio físico, quando eu acordei eu fiquei pensando se realmente tinha passado pelo exame, ou se eu só dormi.
Photobucket É, a vida é isto aí: um dia você está num lago sereno e no outro, com uma câmera entrando goela abaixo...

Photobucket
Eu que tirei esta foto do bosque, com meu celular. Para ilustrar este post podia ser esta foto ou a do meu esôfago, mas achei esta melhor...


PS: pode não parecer mas, no fundo, bem no fundo, eu sou legal, então eu vou pedir opinião sobre uma coisa: é de interesse de todos nossos dois leitores que eu escreva sobre os livros que eu estou lendo no meu desafio de "12 livros no ano"? Assim, eu já escrevi sobre alguns em posts "culturais", mas estava pensando em fazer umas sextas-feiras especiais sobre os outros (uns 2 livros por sexta). Que que cêis acham?

Marcadores: , , , ,

Postado por Josei e Kami Sal às 8:51 PM


|

sábado, outubro 01, 2011

Será que devo rescrever ou revisar minha sinfonia de outubro?


Photobucket Outubro chegou tão de mansinho quem nem o vimos chegar. Quando reparamos, ops, ele já estava aqui!!!
Photobucket De outubro até dezembro a origem dos nomes dos meses não tem nada de legal. Em compensação, outubro é um mês muito festivo. Tem o Dia das Crianças, tem feriado do Dia do Funcionário Público (yes, we are!!!), tem o Halloween para nós esperarmos a Grande Abóbora e, principalmente, tem o aniversário do Stafora!!!
Photobucket Como aniversariante do mês, ele teve a honra de escolher a midi do mês. E escolheu muito bem: Rock´n´roll All Night. As dolls são de Halloween.

Photobucket

Marcadores: ,

Postado por Josei e Kami Sal às 7:42 PM


|

[ As Bizarras ]



Photobucket























PhotobucketPhotobucket

[ Estamos... ]

The current mood of mundobizarro at www.imood.com

[ Já passou... ]

Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Novembro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Fevereiro 2007
Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Agosto 2009
Setembro 2009
Outubro 2009
Novembro 2009
Dezembro 2009
Janeiro 2010
Fevereiro 2010
Março 2010
Abril 2010
Maio 2010
Junho 2010
Julho 2010
Agosto 2010
Setembro 2010
Outubro 2010
Novembro 2010
Dezembro 2010
Janeiro 2011
Fevereiro 2011
Março 2011
Abril 2011
Maio 2011
Junho 2011
Julho 2011
Agosto 2011
Setembro 2011
Outubro 2011
Novembro 2011
Dezembro 2011
Janeiro 2012
Fevereiro 2012
Março 2012
Abril 2012
Maio 2012
Junho 2012
Julho 2012
Agosto 2012
Setembro 2012
Outubro 2012
Novembro 2012
Dezembro 2012
Janeiro 2013
Fevereiro 2013
Março 2013
Abril 2013
Maio 2013
Junho 2013
Julho 2013
Agosto 2013
Setembro 2013
Outubro 2013
Novembro 2013
Dezembro 2013
Janeiro 2014
Fevereiro 2014
Março 2014
Abril 2014
Maio 2014
Junho 2014
Julho 2014
Agosto 2014
Setembro 2014
Outubro 2014
Novembro 2014
Janeiro 2015
Fevereiro 2015
Abril 2015
Junho 2015
Setembro 2015
Outubro 2015
Dezembro 2015
Janeiro 2016
Agosto 2016

[ Em uma linha ]

Photobucket Photobucket

[ Musica ]

Photobucket
Blip Josei

Photobucket
Blip Kami Sal

[ Blogs favoritos ]

Muito Macho
Baiacus Cantores de Piraporinha
Encontre o peixe
Sentimentos Verdadeiros
Um Mundo Sem Noção
ISAC
Leis de Murphy
Ninguém lê esta porcaria
BHQ+
Orijinaru
Sorvete Napolitano
**Luty Kitty** Nyu!!
Tipo assim...
Miss Mymi
Frivolidades e Inutilidades
Coma Com Os Olhos
Gatos na Cozinha
Ponto de Fuga
Não bata no gatinho
Satisfeita Yolanda
Sócia da Light
Menina não pode
Receita Perfeita
Pitadinha
Gavilan

[ Flogs favoritos ]

Mundo Bizarro - o flog.
Picolé Napolitano
Flog da Luty
Toscosplay
Deviant Art
Mafia
Baby Mel
Pet Club

[ Sites ]

Mundo Bizarro no Orkut
SOS Anime
Sonando com KareKano
Shampoo.art.br
Henshin
Tomobiki-cho, The Urusei Yatsura Web Site
Friends the Stuff you've never seen
Central de Mangás
Um sábado qualquer
Lady's Comics
Manga Dream
Tsumi
Redisu
Anime Kawaii
Hinata Sou
Anime House
Anime Extremist
Shoujo House
Kawaii Screen
Neopets
AMV.org
Gendou
O Jovem Nerd
Nigthtsy
Anime Lyrics
LiveJournal Furuba
FanFiction.Net
FF-SOL
Click Jogos
Anime Blade
Anime Pró

Snoopy
Madame Malkins

Eu sou blogólatra!








[ Marcadores ]

"real e o sobrenatural"
acidente tosco
animais
anime
aniversário
apartamento
artesanato
banco
barata
biscuit
bizarrice
bizarrice IVCH
blogueira desaparecida
bonita história triste
campus reserva ecologica
Caramelo
Carnaval
carro
celular
Charlie Brown
churrasco
chuva
chácara
cinema
coisas que não entendo
comemoração
computador
culinária
desabafo
dialogo em família
dialogo
diálogo em família
divagações
doente
emo
especial de aniversário
estágio
faculdade
família
feriado
festa
flog
formatura
frase da semana
férias
gata
Gata-Vaquinha
gatos
gente chata
greve
hidroginástica
horário de verão
inseto
insonia
IVCH
jornalismo Mundo Bizarro
kit
Lady Murphy
lagartixa
leseira
livros
lost
Mamãe-Gata
mangás
máquinas
mimimi
música
nada
Natal
nerdice
neura
ônibus
Otaku Fest
outono
paranóia
pesadelo
pessoas estranhas
ponto de ônibus
presente
Quem procura acha aqui - ou não
reflexões inúteis
sonho
shopping
Sorveteria
SOS Anime
susto
televisão
template
teste
trabalho
trauma de infância
tristeza
vaidade
vergonha alheia
viagem

[ Campanhas ]

Adotar é tudo de bom

[ Midi ]

Você está ouvindo

I'll be there for you

[ ... ]



eXTReMe Tracker

Template by Kami Sal
Todos os direitos
reservados

Free Avatars
Free Avatars
Free Avatars
Free Avatars
Free Avatars
Photobucket
Blinkie Maker
Make your own Blinkie

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket